Notícia - Empresas de teleatendimento cancelam reunião de negociação para a Convenção Coletiva

As empresas de teleatendimento, já demonstrando toda a falta de interesse e seriedade para com seus trabalhadores, cancelaram a reunião que aconteceria em 12/12/2019.
Os patrões alegaram ainda não possuir uma proposta inicial formulada para dar início às negociações. 
Isso é um absurdo, pois o Sintetel juntamente com os trabalhadores construíram uma pauta de reivindicações e entregaram para os representantes das empresas em 14/10/2019. Portanto, 75 dias antes da data-base que é 1º de janeiro.
Eles tiveram tempo suficiente para já apresentarem uma proposta. Na primeira reunião, ocorrida em 22/11/2019, eles já tinham apresentado as suas já tradicionais desculpas. 
Na ocasião, eles alegaram que estão enfrentando uma grave crise de redução de postos de trabalhos ocasionados pela inteligência artificial e pela iminente implantação do 5G.
A próxima reunião ainda não ficou definida. 
Fique ligado nas informações do Sintetel pelo site e pelas redes sociais.


Fonte:  Sintetel - 10/12/2019


Comentários