Notícia - Sindimoto apresenta proposta de regulamentação dos corredores de circulação de moto

Para o Sindicato dos Motoboys de São Paulo (SindimotoSP), a proibição de qualquer natureza para as motos fere o artigo 5º, inciso XV, que garante a liberdade de locomoção e o direito de ir e vir das pessoas. Por isso, nesta quarta-feira (04), a equipe do Sindicato esteve em Brasília para entregar no Congresso Nacional uma proposta de regulamentação dos corredores virtuais, onde as motos já circulam.

A proposta, entregue para o deputado Juscelino Filho, que é relator do projeto que discute a alteração no Código de Trânsito Brasileiro, pontua sete itens de maior relevância para a categoria, buscando a harmonia no trânsito e a segurança de todos, respeitando o direito de locomoção das pessoas.

O projeto do Sindicato tambem foi entregue para o deputado Luiz Carlos Motta, presidente da comissão. O deputado apoiou a proposta e elogiou a iniciativa do SindimotoSP em se antecipar as discussões sobre a restrição dos corredores de moto, apresentando uma solução para o tema, que é a regulamentação e o aumento de ações educativas para diminuir os casos de acidentes com maior gravidade.

O projeto entregue pelo sindicato destaca:

• A criação de faixas de solo com tinta antiderrapante e cores diferenciadas;
• A instalação de radares fixos e móveis para controle de velocidade na via;
• Circulação com velocidade reduzida com limitação de 50 Km/hora com tráfego de veículos parados e nos períodos de tráfego intenso;
• Criação de faixa de espera (bike box) para motociclistas em semáforos e facilitar o acesso;
• Definição de regras para uso dos tachões nas ruas e avenidas;
• Criar regras para a circulação de motos em outros corredores subsequentes aos regulamentados;
• Placa de sinalização vertical e horizontal específica para orientação dos motociclistas e motoristas com campanhas educativas e orientação.

“Nesta semana, em Brasília, foi muito produtiva, pois estivemos reunidos com o deputado Juscelino Filho, que é relator do projeto, e apresentamos a proposta de regulamentação dos corredores para as motocicletas, projeto que ganhou apoio dos deputados Luiz Carlos Motta e Roberto de Lucena”, explicou Gilberto Almeida (Gil), presidente do SindimotoSP.


Fonte:  SindimotoSP - 06/12/2019


Comentários