Notícia - Sindicato dos Químicos de Bauru e Região: nova diretoria toma posse para gestão 2021 a 2026

A nova diretoria do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias Químicas e Farmacêuticas de Bauru e Região (Sindquimbru), eleita no mês passado com 97,88% dos votos, tomou posse hoje, dia 13 de setembro. Tendo como presidente Edson Dias Bicalho, que é presidente da diretoria cessante, vai administrar o Sindicato no período 2021/2026. A nova diretoria é composta por 14 integrantes entre diretores efetivos e suplentes e conselheiros fiscais. “Neste momento, por causa da pandemia, não vamos fazer nenhum evento ou reunião ampliada, mas já estamos trabalhando”, conta Bicalho.

Apesar da pandemia e da precarização do trabalho, crescente desde que a Reforma Trabalhista entrou em vigor, o setor químico é uma das poucas categorias que não teve nenhum direito retirado. “Todas as negociações salariais, mesmo agora na pandemia, fechamos com a reposição da inflação medida pelo INPC. Demais benefícios todos também foram mantidos. Seguimos dialogando com o empresariado e exercendo o poder de negociação coletiva” afirma Bicalho.

O Sindicato dos Químicos de Bauru e Região foi fundado em 10 de setembro de 1989 e representa trabalhadores nas indústrias químicas; farmacêuticas; preparação de óleos vegetais e animais; perfumaria e artigo de toucador; resinas sintéticas; sabão e velas; fabricação de álcool, etanol, bioetanol e biocombustível; explosivos; tintas e vernizes; fósforos; adubos e corretivos agrícolas; defensivos agrícolas e materiais plásticos; matérias-primas para inseticidas e fertilizantes; abrasivos; álcalis; petroquímica; lápis, canetas e material de escritório; defensivos animais e rerrefino de óleos minerais de Agudos, Arealva, Avaí, Balbinos, Bariri, Bauru, Boa Esperança do Sul, Bocaina, Boracéia, Borebi, Guarantã, Iacanga, Itaju, Itapuí, Jaú, Lençóis Paulista, Pederneiras, Pirajuí, Piratininga, Pongaí, Presidente Alves e Reginópolis.


Fonte:  Imprensa do STI Bauru - 14/09/2021


Comentários