Informativos
Visualizar no navegador | Enviar para um amigo
 
 
 
Informativos | Notícias | Contato
MP 873 quer acabar com o sindicalismo

Olá, como vai?!

Sindicalistas e trabalhadores foram pegos de surpresa pela MP 873/19 publicada em edição extra do Diário Oficial da União na sexta-feira, 1 de março.

Após a Reforma Trabalhista do então presidente Michel Temer que já tinha como objetivo enfraquecer os sindicatos com a não obrigatoriedade da Contribuição Sindical, agora aparece o Jair Bolsonaro e publica uma Medida Provisória que visa enfraquecer ainda mais.

A mudança principal é o recolhimento da contribuição. Após a Reforma Trabalhista as entidades sindicais utilizaram assembleia com a categoria para decidir sobre a cobrança, mas a MP muda tudo. A partir de agora tem que ser autorizado de forma individual pelo trabalhador e mais, não poderá ser mais descontado diretamente do salário dos trabalhadores. A cobrança será por meio de boleto enviado para a residência do trabalhador.

Mas como os sindicatos conseguirão essa autorização individual, prévia e expressa do empregado. Imagina uma categoria com milhões de trabalhadores. Como será feito?

Agora, sindicatos e deputados precisam articular ações para barrar ou incluir mudanças na MP. Fica aqui a informação que em 120 dias a MP não for apreciada no Congresso, ela perderá o seu efeito.

Abaixo notícias sobre o assunto e dois arquivos com uma Ação Direta de Inconstitucionalidade e um parecer da Deputada Federal Fernanda Melchionna.

Ação Direta de Inconstitucionalidade - Confederação Nacional das Carreiras Típicas de Estado - CONACATE

Breves apontamentos das inconstitucionalidades da MP 873/19

Beijos,

Sandra Campos
Editoral da Revista e Portal Mundo Sindical
Celular 11-948-137-799

 
Presidente Jair Bolsonaro edita MP para dificultar a contribuição sindical
  Texto também extingue possibilidade de valor ser descontado diretamente do salário dos trabalhadores
VER MAIS

Nova Central repudia MP que altera recolhimento da contribuição sindical
  É com grande pesar que a Nova Central Sindical de Trabalhadores - NCST recebe a informação de que o Governo Federal, por decisão do presidente da Repú...
VER MAIS

Nota da UGT sobre a medida provisória que acaba com as negociações coletivas e desrespeita a Constituição
  A Medida Provisória 873, publicada no escurinho do Carnaval, altera as regras da constituição sindical e é inconstitucional porque fere o artigo númer...
VER MAIS

Sindicatos e deputados querem alterar MP da contribuição
  Sindicalistas e congressistas ligados a eles estão trabalhando em pleno carnaval para reverter a Medida Provisória 873
VER MAIS

Deputados articulam mudanças em MP de Bolsonaro para garantir contribuição sindical
   
VER MAIS

O Estado de S. Paulo: Arrecadação do imposto sindical cai 90% após reforma trabalhista
  Sindicatos patronais e de trabalhadores têm de cortar custos e investir em fusões e coworking para sobreviver
VER MAIS

Nota sobre a Medida Provisória 873/19
  O Presidente da República Jair Bolsonaro editou a Medida Provisória n.873, de 01 de março de 2019 alterando a Consolidação das Leis do Trabalho (CLT),...
VER MAIS

Nota da Força Sindical - MP 873
  Não ao AI-5 Sindical
VER MAIS

MP de imposto sindical dá brecha para revisão de acordo coletivo
  Presidente diz que é nula cobrança aprovada em assembleia, e trabalhador poderá questionar na Justiça
VER MAIS

Governo impede desconto em folha e determina que contribuição sindical deve ser feita via boleto
  Mudança está em medida provisória assinada pelo presidente Jair Bolsonaro, começa a valer imediatamente, mas perde efeito se não for aprovada pelo Con...
VER MAIS

CUT em defesa da Previdência Social e da organização sindical
  Na véspera do Carnaval, Bolsonaro edita Medida Provisória cujo objetivo é sufocar sustento de sindicatos e centrais para aniquilar a organização sindi...
VER MAIS

 
 
 
 
 

Facebook Twitter YouTube